Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

ANTENA FLUMINENSE DE NOTÍCIAS

Notícias e atualidades

GOVERNO ESTIMA 2 MILHÕES E 500 MIL CAMISINHAS PARA ATENDER "FESTIVAL RELIGIOSO."

por Cimberley Cáspio, em 12.07.15

Por Cimberley Cáspio

 

 

Foto:www.kunbhmelatours.com

 

Maharashtra/Índia -  O Kumbh Mela, o maior festival "religioso" do mundo, que vem acontecendo desde  14 de julho,na cidade de Nashik, está atraindo uma grande quantidade de "devotos", que além de se banharem nas águas imundas do rio Ganges, o sexo rola desenfreadamente durante todo o período da "festa", a ponto do governo local e federal, preocupados com à propagação do HIV, ter que se virar e providenciar um número significativo de camisinhas.


No mínimo,10 milhões de pessoas já estão na região para participarem do "festival", e o governo hindu estima que tenha que ser enviado pra cidade de Nashik, 2 milhões e 500 mil camisinhas,pois se o governo abrir mão disso,os custos serão muito mais caros para tratar os infectados com a AIDS.No ano passado,200 mil camisinhas,não foram suficientes para atender a demanda sexual frenética do "festival."


Diante disso,governo e ONGs,estão correndo contra o tempo e trazendo grande número de preservativos de zonas rurais e hospitais, e enviando para o local da orgia,quer dizer,"festival religioso".


2 mil trabalhadoras do sexo feminino,e 560 trabalhadores do sexo masculino,foram "convocados" para atender à enorme demanda do "festival", que esse ano,estima-se à presença de 100 mil migrantes na cidade. Mesmo assim,as ONGs, temem uma escassez dos preservativos durante o festival,o que certamente vai aumentar ainda mais à propagação do HIV no país. O "evento" vai durar 55 dias.

 

Fonte: The Times of Índia - reportagem: Himanshu Nitnaware

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.