Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

ANTENA FLUMINENSE DE NOTÍCIAS

Notícias e atualidades

GOVERNO PARAGUAIO EXIGE RETRATAÇÃO DO BRASIL POR INVASÃO DE SOBERANIA.

por Cimberley Cáspio, em 11.08.15

Por Nuestromar - reproduzido e editado p/ Cimberley Cáspio

 

 

Resultado de imagem para Foto: operação Ágata no rio Paraná

Foto: ed2013familia.blogspot.com

 

O chefe da Área Naval Canindeyú, Capitão Conrado Caceres Louteiro foi substituído após o incidente com soldados brasileiros que invadiram o território paraguaio e travou tiroteios com traficantes suspeitos.Fontes militares paraguaias confirmaram a ABC Color a troca de comando. 


A escaramuça aconteceu entre militares brasileiros, contrabandistas e militares paraguaios no rio Paraná,na noite do dia 28 de julho.O posto naval no lado paraguaio, agora é comandado pelo capitão Mariano Fianccio Petters.


Segundo o governo paraguaio,na semana passada uma incursão militar brasileira teve lugar em águas territoriais do Paraguai, na Guaíra. Os militares brasileiros embarcaram em uma perseguição a tiros, contra supostos contrabandistas,já em território paraguaio, a cerca de 500 quilômetros a nordeste, no auge de Puerto Adela, em frente ao Puerto Mendes de Brasil no Lago de Itaipu.


O Ministério das Relações Exteriores do Paraguai descreveu este episódio como um "assunto sério que afeta a soberania do país." Eladio Loizaga primeiro chanceler exigiu explicações ao Governo do Brasil por meio de sua embaixada no Paraguai. A representação brasileira, por sua vez, respondeu com outra carta de encomenda, que prometeu investigar o incidente, mas não se desculpou como esperado.


Vários senadores também manifestaram seu repúdio sobre o que aconteceu, e o Senado paraguaio imediatamente emitiu um ofício ao Ministério dos Negócios Estrangeiros. E durante à sessão ordinária  o senador liberal Miguel Abdón Saguier criticou o Governo do Brasil por violar sistematicamente a soberania tentando apresentar o Paraguai à comunidade internacional, como um país de "contrabandistas". 


Fonte : ABC Color