Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

ANTENA FLUMINENSE DE NOTÍCIAS

Notícias e atualidades

NEM A COPA DO MUNDO,CONSEGUE PÔR O BRASIL NOS TRILHOS.

por Cimberley Cáspio, em 01.07.14

Por Cimberley Cáspio

 

imagem : meionorte.com


A finalização dos estádios para a Copa do Mundo no Brasil,mostrou o flagrante  despreparo e incompetência das construtoras responsáveis pelas obras. Estamos vendo estádios com falhas de projeto,vazamentos...E isto com poucos dias de inaugurados.


A questão crucial,é que essas mesmas empresas,são responsáveis por obras de infraestruturas rodoviárias,ferroviárias e aeroportuárias; onde se pode a partir de agora,acreditar cegamente que a qualidade da infraestrutura brasileira,caiu por terra. Não se pode mais confiar.E nem o Mercado Internacional acredita. Como poderá ser um exportador massivo de produtos industrializados,com uma péssima qualidade de resultado de trabalho,agora divulgada ao mundo,por causa da Copa?Vai continuar exportando matéria-prima ainda por muito tempo.


Haverá punição governamental às empresas que deixaram obras ainda por fazer,em que o prazo estipulado para conclusão das mesmas estourou? Difícil acreditar.


Não há respeito e qualidade com a coisa pública. Os governos contratantes,por sua vez,também não estão nem aí,afinal,todos receberam a sua parte; então,quem  vai punir quem?


Bagunça escabrosa ,é o que estamos vendo. O governo, a justiça...Todos capitulados pela Lei Geral da Copa. O STF,liberando quem mandou prender. O Brasil,perdoando dívidas bilionárias de países africanos,enquanto muitos brasileiros,continuam no SPC e SERASA,sem ninguém para perdoar.


Quando que o Brasil e seus cidadãos, vão ganhar respeito nacional e internacional?Difícil...Muito difícil.


O país está totalmente descarrilado,e nenhuma mão forte para levantá-lo e pô-lo nos trilhos.Nem a Copa do Mundo ajudará  nesse sentido.


A opressão capitalista que pressiona o Brasil e seu povo,é catastrófica.Impostos altíssimos,taxas sobre taxas...até poço artesiano,as autoridades estão obrigando a colocar hidrômetro.Preços dos alimentos,contaminados por agrotóxicos,estão nas alturas,despesas gerais  com educação,transporte e saúde,só a classe A que está suportando com alguma folga.


Mesmo sem nenhuma qualidade estrutural e social,o Brasil está um país caríssimo para se viver; caro pra trabalhar,e caro até pra morrer.


Enquanto a Argentina peca no calote,o Brasil peca gravemente na qualidade de resultados.