Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

ANTENA FLUMINENSE DE NOTÍCIAS

Notícias e atualidades

PAIAUÍ - PRÁTICA NAZISTA NA ROTA DO TREM FANTASMA.

por Cimberley Cáspio, em 16.04.14

Por Cimberley Cáspio

Ficheiro:João Primo - Pixação Neonazi.JPG

imagem: wikipédia

 

 

Vem aí a Copa do Mundo,bilhões de reais foram sacados dos cofres públicos para investir  no atendimento dos caprichos da FIFA.Vem aí as eleições, onde outros milhões de reais,novamente serão sacados dos cofres públicos para bancar os gastos operacionais do pleito democrático - ou anárquico,ainda estou confuso em relação ao regime político real que hoje atravessa o país - que se realizará em outubro desse ano.Vem aí as Olimpíadas,e novamente milhões e talvez bilhões de reais,também já estão sendo sacados dos cofres públicos para atender os caprichos do COI; sem falar no saque dos mensalões,mensalinhos,que na prática não houve diminutivo nenhum,e agora também,a PETROBRAS,grande alvo de investigação da Imprensa,Polícia Federal e do Ministério Público.


E enquanto esse "espetáculo" continua em andamento na mídia tradicional atraindo a atenção do povo,o The New York Times,fez uma reportagem nas comunidades rurais do agreste do Piauí,revelando a opressão que neste momento atinge os seres humanos brasileiros,que sobrevivem na rota do malfadado projeto da ferrovia Transnordestina. Opressão essa,praticada pela política nordestina,mais precisamente à do Piauí; a política da presidente Dilma,mais precisamente do presidente Lula,que na verdade é o presidente de fato,a ODEBRECHT ,e adicionando ainda, a ganância de algumas empresas de mineração; incluindo também, o Ministério Público,Tribunal de Justiça e a OAB do estado do Piauí,que vem fazendo vista grossa ao fascismo praticado contra um povo indefeso, e permitindo a continuidade das aberrações,mais precisamente na comunidade de Contente,no município piauiense de Paulistana,onde moradores,além de terem suas vilas destruídas pela empresa responsável pela obra, receberam propostas de indenização de R$ 5,00 (cinco reais),eu disse,cinco reais,para deixarem suas propriedades,que obviamente não aceitaram; e por não saírem e permanecerem no lugar,tiveram suas casas rachadas pelas diversas explosões da obra quando estava em operação, além de verem suas propriedades cortadas ao meio,onde também, o direito de ir e vir foi praticamente extinto, hoje, limitado por cercas implantadas pela força do poder cruel e covarde.


O poder político e a justiça estadual do Piauí, cientes dessas e outras aberrações praticadas contra o povo que sobrevive a essa violência nazista na rota do trem fantasma, responderam ao clamor dos oprimidos,de forma tão absurda,quanto o próprio ato reclamado. Como exemplo,o reclamante poderia entrar na justiça,em relação à proposta de indenização de cinco reais,onde a justiça prontamente acataria a reclamação e faria com que esse valor,chegasse a 80% do valor proposto,quer dizer, a empresa seria "condenada"  a pagar de indenização,com os aplausos da justiça do Piauí, ao sertanejo pela sua propriedade, R$ 9,00 (nove reais),eu disse,nove reais. E outras respostas também absurdas das autoridades políticas ao caso reclamado pela comunidade,que é de estarrecer o senso de quem ainda é humano.


Enfim,o fato é,que essas comunidades sobreviventes na rota fantasma da Transnordestina,continuam sendo oprimidas; suas casas continuam com rachaduras,há cisternas também rachadas pelas explosões,ainda há propriedades com cercas invasoras limitando o ir e vir do sertanejo e do seu gado que lhe dá o sustento,moradias destruídas,as quais,os donos até agora não receberam um centavo sequer, e outras propriedades completamente deformadas pela violência do poder,que faz agora aumentar a distância de até 5 KM ,para o sertanejo ir de uma parte do terreno à outra.

 

Como se já não bastasse a luta histórica desse povo contra a seca,agora também lutam contra os assaltos da política e da justiça do estado do Piauí,as suas indefesas propriedades,revelando de forma transparente e dramática as comunidades sobreviventes da rota fantasma da Transnordestina,que o governo e a justiça na verdade,são amigos dos seus inimigos.



Fonte : The New York Times